CONTINUAR A COMPRAR

O seu carrinho está vazio

PORTES GRATUITOS

Em Portugal Continental, para mais de 50eur (-5kg)

ENCOMENDAS EM 24h

Em Portugal Continental, para encomendas até ás 15h

HEMORRÓIDAS... VAMOS ACABAR COM O 'TABU'!

 

O que são hemorróidas?

As hemorróidas são vasos sanguíneos dilatados e salientes, situados no canal anal. Existem dois tipos, internas e externas, de acordo com a sua localização:

  • Hemorróidas internas: Desenvolvem-se dentro do ânus, onde habitualmente permanecem, pelo que nas fases iniciais o doente não as vê nem sente. São caracterizadas por perdas de sangue vivo e/ou exteriorização (prolapso) durante a defecação, este último numa fase já mais avançada. Se totalmente prolapsadas, sem possibilidade de re-introdução no canal anal, podem provocar dor forte.
  • Hemorróidas externas: Aparecem em redor do ânus, sendo revestidas por pele muito sensível. A ocorrência de um coágulo sanguíneo no seu interior (trombo) irá provocar um «inchaço» local muito doloroso, traduzido por um nódulo duro, azulado, muito incomodativo pelo prurido (comichão) e inflamação. No caso de ruptura pode haver sangramento.

 

 

Quais são as causas das hemorróidas?

Existe diversas causas para a doença hemorroidária. Entre elas:

  • Obstipação, associada ao esforço durante a defecação;Diarreia com expulsão contínua de fezes moles;
  • Idade;
  • Permanência em pé ou sentado durante longos períodos;
  • Gravidez e parto;
  • Obesidade;
  • Hereditariedade;
  • Dieta pobre em fibras e líquidos, alimentos picantes, álcool.

Independentemente da causa, os tecidos da parede do reto e do canal anal sofrem um estiramento. Como consequência, há um aumento da pressão nos vasos hemorroidários localizados na parede do reto e do canal anal. Assim, os vasos debilitados e dilatados tornam-se salientes, e a circulação de retorno nestes vasos fica comprometida, o que favorece ainda mais a sua dilatação, a estase venosa e a formação de coágulos.

Quais são os principais sintomas?

  • Dor;
  • Ardor;
  • Prurido anal e irritação;
  • Sensação de incómodo e de evacuação incompleta;
  • Sangramento não doloroso durante a defecção (sangue no papel higiénico, pingas de sangue na sanita ou fezes raiadas de sangue);
  • Prolapso das hemorroidas (projeção através do ânus) durante a defecação.

Tratamento das hemorróidas

Normalmente, o diagnóstico é feito através de um simples exame físico realizado pelo médico. Após a confirmação do diagnóstico, o tratamento dos sintomas pode ser não farmacológico (alteração do estilo de vida), ou farmacológico e cirúrgico.

  1. Alteração do estilo de vida:
  • Aumentar a ingestão de fibras alimentares e frutas;
  • Beber pelo menos 1,5 a 2L de água por dia;
  • Evitar alimentos muito condimentados que irritam a mucosa retal;
  • Evitar o uso de papel higiénico que irrite e aumente a inflamação. Lave a região anal e seque com toalha de algodão;
  • Melhorar a higiene anal, usando produtos específicos, como por exemplo o NeoFitoroid Creme Lavante®. Este é indicado para a lavagem da zona anal e perianal em casos de hemorróidas, uma vez que tem uma ação protetora, hidratante e refrescante;
  • Praticar exercício físico regularmente (evitando se possível o levantamento de pesos, equitação ou ciclismo, que podem piorar a sintomatologia);
  • Evitar vestuário demasiado apertado e materiais sintéticos;
  • Evitar estar muito tempo sentado na sanita;
  • Colocar a região afetada em água fria ou tépida ("banhos de assento").

2. Tratamento farmacológicos: 

  • O tratamento farmacológico deve ser iniciado com a terapêutica apropriada para amolecer as fezes, juntamente com terapêutica local para aliviar a inflamação e os sintomas, baseando-se essencialmente em preparações tópicas que contêm anti-inflamatórios, incluindo esteróides, anestésicos, produtos adstringentes e antissépticos;
  • Os medicamentos anti-inflamatórios e pomadas para hemorróidas são úteis no tratamento para aliviar a dor e o desconforto, reduzindo as hemorroidas rapidamente. Pomadas como o NeoFitoroid® ajuda a diminuir a inflamação e a aliviar a dor em alguns minutos;
  • Aconselhe-se com o seu médico ou farmacêutico sobre qual o tratamento mais indicado para o seu caso.

Na presença de hemorróidas graves, pode ser necessário recorrer ao tratamento cirúrgico.

Advertências

É necessário ter em atenção e pedir assistência médica nos seguintes casos:

  • Sangramento anal intenso acompanhado ou não de fezes;
  • Sangramento que persiste por uma semana ou mais;
  • Endurecimento da saliência externa que se formou no ânus.
Voltar