CONTINUAR A COMPRAR

O seu carrinho está vazio

PORTES GRATUITOS

Em Portugal Continental, para mais de 50eur (-5kg)

ENCOMENDAS EM 24h

Em Portugal Continental, para encomendas até ás 15h

TENHO AFTAS! E AGORA?

O que são as aftas?

As aftas consistem em pequenas feridas ou lesões que surgem na boca. Estas podem surgir sozinhas ou agrupadas na mucosa bucal, na gengiva, na língua ou nos lábios. Em relação ao aspeto, as aftas têm diversas formas e podem aparecer com várias cores (branco, vermelho ou amarelado).

São lesões ulcerosas que estão sempre associadas a um processo inflamatório. Provocam dor, desconforto e dificuldades em comer, beber e até falar.

Quais as Causas/Fatores de risco?

  • Trauma oral: como a mordedura acidental na língua ou na zona interior da bochecha, escovagem dos dentes agressiva e tratamento dentário (ex.: colocação de próteses dentárias);
  • Ansiedade e stress;
  • Predisposição genética;
  • Sensibilidade ao lauril sulfato de sódio: presente em muitos produtos dentífricos e elixires;
  • Carência de algumas vitaminas e anemia: carências de vitamina B12, vitamina C, zinco, ácido fólico e ferro;
  • Mudanças hormonais e ciclo menstrual;
  • Helicobacter pylori: tal como o refluxo, podem estar associados a alterações no pH da mucosa oral;
  • Alergias a determinadas substâncias;
  • Reações a medicamentos ou doenças sistémicas: indivíduos imunologicamente deprimidos; alterações gástricas, como problemas de estômago desequilibram o pH tornando-o mais ácido; fármacos que secam a mucosa;
  • Alimentação: certos alimentos por serem ácidos (tomate, ananás, chocolate, morangos, citrinos, vinagre) ou por serem ingeridos muito quentes podem agravar os sintomas das aftas e provocar ardor. No entanto, existem outros que têm uma função preventiva no aparecimento destas lesões, ou porque apresentam uma capacidade anti-inflamatória ou porque fortalecem o sistema imunitário;

 

Aliados Inimigos
 Alimentos picantes ou muito condimentados Os superalimentos (açafrão-da-índia, açúcar da flor de coco, alfafa, aveia geminada, cânhamo, erva de trigo, guaraná, matcha ou espirulina)
 Alimentos salgados, como alguns snacks, amendoins ou batatas fritas
Os antioxidantes (açafrão, aveia, azeite, chá de cavalinha, frutos vermelhos, linhaça)
 Frutas cítricas ou ácidas, como laranjas, limões e morangos
Alimentos ricos em ómega 3 (peixe, sementes de chia, sementes de linhaça, nozes)
 Alimentos demasiados duros como tostas ou frutos secos
Alimentos ricos em ferro e zinco (marisco, legumes verdes e leguminosas)
 Alimentos ou bebidas quentes Alimentos com vitaminas B12 e B9 (salsa, fígado, amêijoas, peixes como as sardinhas ou salmão, ovos)
 Refrigerantes e doces
 

 

 

Quais os cuidados e tratamento que devemos ter?

As aftas não são contagiosas e normalmente desaparecem de forma espontânea ao fim de 1 a 2 semanas. No entanto, existem alguns produtos ou fármacos para ajudar a aliviar os sintomas e prevenir possíveis infeções.

Soluções antisséticas e antibacterianas (colutórios para bochechar, géis ou gotas);

Analgésicos, anti-inflamatórios e anti-bacterianos de aplicação local

Adesivos ou pomadas em gel de ácido hialurónico

Tratatamento à base de ozono: promove cicatrização da ferida

Bochechar com água e sal: estimula a remineralização da boca, além de desinfetar e inibir a proliferação de bactérias

Voltar